terça-feira, 24 de maio de 2011

ir embora

eu quero ir embora
mas não sei ainda
eu quero ir embora
mas eu gosto do(s) que fica(m)
que quero ir embora
e talvez eu vá

uma hora ou outra tudo e todos
vão

querendo ou não

terça-feira, 3 de maio de 2011

segunda-feira, 2 de maio de 2011

eu que insisto no sincericídio

mas não devia
sensação de talvez
ter matado
(ou estragado,
ou no mínimo
- e com ecessivo otimismo-
desandado)
uma coisa boa
por não aprender a calar a boca.

medo.